Tags

, , , , , ,

easy virtue

 

Autora: Mia Asher
Romance Adulto
Editora: Kindle Editions
Páginas: 205
Ano: 2014
Virtue #1

 

Comecei 2014 lendo um livro maravilhoso, um drama incrível que me levou às lágrimas, um livro sobre casamento, traição e perdas, cujo título leva o nome de um de seus personagens, Arsen. Era o livro de estreia de Mia Asher e, após a leitura, prometi que leria tudo e qualquer coisa que ela escrevesse. Portanto, bastou Easy Virtue ser lançado para que eu largasse todas as leituras em andamento e focasse nele com exclusividade – mesmo que a sinopse não fosse nada do que eu quisesse ler.

As expectativas eram altas, altíssimas, e não foram atendidas. Eu esperava algo mais, algo único, emocionante. Na verdade, acho que eu queria mesmo era ler Arsen pela…quarta vez?! Eu já tinha preparado a caixa de lenços, os curativos e agulha e linha para remendar o coração, mas não precisei de nada disso. E isso me frustrou.

Easy Virtue conta, em 1ª pessoa, a história de Blaire, uma garota que, por nunca ter sido amada pelos pais, se tornou uma vadia sem coração, um enfeite na mão de quem quisesse lhe dar presentes caros. Amar não estava em seus planos, ser amada, tampouco. Eis que aparece duas pessoas em sua vida: uma pode fazer com que ela se apaixone; a outra, com que ela continue a mesma vagabunda de sempre.

A história é batida, previsível, sem encantos. Melhora consideravelmente da metade para o fim, mas, ainda assim, não me emocionou. A escrita da autora é boa, bem fluida, com cenas muito bem descritas, mas que no conjunto não me conquistaram.

Faltou algo, faltou um elemento surpresa e, puft, lá estava ele, na última linha do livro, precedido pela
aterrorizante frase “a continuar…”. WTF?! O quê? O que você fez, Mia? Quando o livro ia melhorar, a autora interrompe a história e só seguirá com ela em um segundo livro. Por que transformar uma história de 400 páginas em dois livros de 200? Por que deixar o leitor com um cliffhanger de puxar os cabelos?

Gostei desse livro? Não muito. Lerei o segundo? Sim. Estou com mil hipóteses na cabeça sobre o que acontecerá, sobre quem são Ronan e Lawrence de verdade. Fui enganada por algum deles?

Pelos meus comentários parece que li o pior livro do século, mas não é bem assim. O livro não é ruim, só é mais um no meio de tantos, e eu queria algo espetacular, algo que me deixasse com pelo menos metade da ressaca que tive com Arsen (yeah, perceberam minha fixação por Arsen? rs). Acredito que o segundo livro, sim, valerá a pena. Enquanto ele não chega, continuo frustrada…

3 corações

3 Estrelas

 

Sinopse: O amor é egoísta… Meu nome é Blaire. Eu sou a garota má. A outra mulher. A que nunca fica com o cara no final. Eu sou a caçadora de fortunas. A vadia. Aquela por quem ninguém torce. A que você ama odiar. Eu me odeio também… Todo mundo tem uma história. Está pronto para a minha?

Anúncios