Adeus, China – O último bailarino de Mao, Li Cunxin

Adeus China Li Cunxin

 

Autor: Li Cunxin
Autobiografia / Não-Ficção
Editora: Fundamento
Páginas: 400
Ano: 2007

 

Depois de pouco mais de 2 anos, esse livro volta às minhas mãos – e todo rabiscado! Aliás, lindamente rabiscado! Explico.

Sabe aquele livro que você indica a todos os seus amigos, mas eles fazem cara de paisagem e não se animam pra ler? Sabe aquele livro maravilhoso, que você amou e quer que todos leiam? Sabe aquele livro que deixa marcas e grandes lições? Pois é, Adeus, China é um desses livros. Ou melhor, foi um desses livros.

O preço não ajudava, não tinha edição digital, o título não agradava e a capa tampouco era atraente, mas tive uma simples ideia. Um Livro Viajante! Colocaria o livro no Correio para rodar por todo o Brasil, visitando cada uma das casas dos leitores daquele grupo de leitura. Sugestão aceita, Adeus, China passou de mão em mão, ganhando recadinhos e rabiscos carinhosos e conquistando quem o lia.

Resultado? Todo mundo se surpreendeu e se emocionou. Recebi o livro hoje com um sorriso no rosto e uma vontade imensa de relê-lo.

Adeus, China – O último bailarino de Mao nos mostra a miséria daquele país sob o regime ditatorial de Mao e como um jovem conseguiu superar todas as barreiras e mudar completamente de vida.⠀

É uma autobiografia, mas parece um romance, um conto de fadas. É uma história de superação, de garra, de determinação. É uma história sobre família e os valores que realmente importam. É, também, uma linda e real história de amor, que me levou às lágrimas por diversas vezes.⠀

Um livro encantador, ninguém sai dele do mesmo jeito que entrou.🍂💛

*****

♥Para quem, como eu, gosta de ballet, um aviso: você vai ficar estupefato ao reconhecer alguns famosos nomes.

♥Quem for ler, ao pegar o livro NÃO folheie até as últimas páginas, resista! rs Nelas encontramos fotos que são verdadeiros spoilers e certamente tira o fator surpresa, tão importante para que nos emocionemos com a leitura.

♥Existe também um filme sobre essa história. NÃO veja o trailer antes! rs Confie em mim, não irá se arrepender! :)))

5 Estrelas 5 corações

favoritos

adeus china li cunxin bailarino de mao

Comprar:

Compre aqui Amazon

 

 

Sinopse: Em um vilarejo desesperadamente pobre do nordeste da China, um jovem camponês está sentado em sua velha e frágil carteira escolar, mais interessado nos pássaros lá fora do que no Livro Vermelho de Mao e nas nobres palavras nele contidas. Naquele dia, porém, homens estranhos chegam à escola – os delegados culturais de madame Mao. Estão à procura de jovens camponeses que, depois de receberem a formação necessária, possam tornar-se os fiéis guardiães da grande visão de Mao para a China. 

O garoto observa um dos colegas ser escolhido e levado para fora da sala. A professora hesita. Deve ou não deve? Quase desiste. Mas, afinal, no último momento, toca no ombro do oficial e aponta o garoto miúdo. “Que tal aquele?”, ela pergunta. 

Em um único momento, a possibilidade mais remota mudou de modo indescritível o curso da vida de um garoto. Ele faria parte de algumas das maiores companhias de balé do mundo. Um dia seria amigo do presidente e da primeira-dama, de astros do cinema e das pessoas mais influentes dos Estados Unidos. Seria uma estrela: o último bailarino de Mao, o queridinho do ocidente. 

Esta é a história de Li Cunxin – uma narrativa que poderia ter desaparecido, como as vidas de outros milhões de camponeses, em meio à revolução e ao caos. É uma história de coragem, de amor de mãe e do anseio por liberdade de um jovem. O relato belo e precioso de uma vida inspiradora contado com honestidade.

5 respostas em “Adeus, China – O último bailarino de Mao, Li Cunxin

  1. Esse livro é simplesmente fantástico, tive o prazer de lê-lo também.
    É com saber que podemos encontrar sites, como o seu, que posta resenha de livros tão interessantes, sábios e encantadores. Parabéns!

    P.S. Seu blog está de parabéns, consegue abranger todos os gêneros literários, e ao mesmo tempo fazer que descubramos novos horizontes a seguir, no universo dos livros.

    Curtir

  2. Não tem a ver com esse post em si, mas você já deu uma olhada na nova coleção da Folha “Grandes Nomes da Literatura” (nomesdaliteratura.folha.com.br)? Seria, talvez, interessante ver um post a respeito. Já vi alguns posts criticando a escolha das obras ou algumas traduções escolhidas, por exemplo. Quais nomes você acredita que tenham ficado para trás?

    Curtir

    • Oi, Sara. Dei uma olhada bem rápida, gostei da maioria dos títulos, mas tem alguns que não foram escolhas tão boas por ser, por exemplo, o sexto livro de uma série. Comprei um para ver a qualidade do livro, estou esperando chegar :))) daí posso fazer um post comentando a respeito.
      Abç
      Caroline

      Curtir

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.